Atendimento Médico Permanente

Funciona 24h/dia, 365 dias/ano e não é necessária marcação.

Como chegar? Saiba aqui

Em traços gerais pode dizer-se que a Psicologia é uma ciência que estuda o comportamento, avaliando os diversos processos mentais, capazes de responder em harmonia às necessidades individuais e de relação.

Faz parte da intervenção do psicólogo a avaliação e compreensão dos comportamentos, reconhecendo as diversas formas de adaptação e de resposta ao meio, e que estratégias estão a ser utilizadas na interação e comunicação com os demais. 

Durante cada ciclo de vida o desenvolvimento é constituído por um conjunto de mudanças que ocorrem de acordo com as capacidades de adaptação de cada pessoa, às diversas exigências, desencadeando uma interação dinâmica entre ganhos e perdas, no sentido da otimização para um envelhecimento bem-sucedido. 

Os psicólogos têm um campo de total abrangência na intervenção que se estende ao longo da duração do ciclo de vida. Neste sentido, estão ainda preparados para abordar os processos de morte e de luto.

Os psicólogos estão disponíveis para as variabilidades interindividuais (faixa etária, estatuto socioeconómico, género, etnia, religião…) e são sensíveis nas diversas intervenções.

Perante respostas desajustadas que tragam sofrimento psicológico (ansiedade, medos, tristeza, insegurança, pensamentos sobrevalorizados, perturbações da memória, perturbações da atenção, problemas de aprendizagem, entre outras), o psicólogo tem ao seu dispor ferramentas de intervenção que põe ao dispor de quem, junto dele, procura o equilíbrio quer da sua própria saúde mental, quer da harmonia familiar nos mais diversificados contextos. 

Psicólogas: